Provérbios 31:24

Ela faz roupas de linho fino, e vende-as, e dá cintas aos mercadores .

Play Audio

Uma mulher virtuosa - o tipo de mulher que todo homem sábio procura para se casar - é uma mulher empreendedora - ela não está contente em meramente ser uma dona de casa. Ela sabe que é capaz de mais e por isso ela faz mais ainda. O exemplo dado aqui é de uma operação de fabricação e venda a atacado em linho fino e cintas. Ela tem um espírito empreendedor e diligente que busca projetos lucrativos para sustentar o seu marido e construir um patrimônio familiar.

Mulheres ociosas, que gostam da vida de uma dona de casa e que ressentem um provérbio assim, precisam lembrar que uma mãe deu este conselho inspirado! Este capítulo de Provérbios tem as palavras do rei Lemuel, mas elas são a profecia que a sua mãe o ensinou (Pv 31:1-2). Esta grande mãe deu conselho celestial ao seu filho em como se conduzir como rei (Pv 31:3-9), e identificar uma mulher virtuosa para se casar (Pv 31:10-31). Homens e mulheres sábias prestarão atenção!

Com toda justiça, a mulher virtuosa tinha servas (Pv 31:15). Entretanto, gerenciar servas traz as suas exigências próprias. Mas ela não tinha geladeira, telefones, e-mail, transporte fácil, forno de micro-ondas, aspiradores, lavadoras e secadoras de roupas, máquinas de lavar louça, e milhares de outros dispositivos, invenções e fontes de informação. Ela era excepcionalmente diligente, disciplinada, focada, e produtiva.

É um erro de interpretação da Bíblia crer que a mulher deve ficar em casa durante todo o tempo atendendo a tarefas domésticas. Alguns exigem isto mesmo quando as crianças estão na escola, com idade suficiente para tomar conta de si mesma, estão casados, ou saíram já de casa! As "guardadores de casa" de Tito (Tt 2:5), condenam a ociosidade, o bisbilhotar, e o fofocas, que uma comparação com ITm mostra (ITm 5:13-14). Ele adverte a respeito das ações de uma mulher estranha, que vagueia sem destino na cidade (Pv 7:11).

O erro de interpretação bíblica, do período Vitoriano, e outros fatores levaram muitas mulheres cristãs a serem ornamentadas, paparicadas, e objetos improdutivos em casa. Deus nunca teve esta intenção! Essas mulheres lutam para por caixas de cereais para o café da manha, lavar uns três tanques de roupa na máquina, e extorquir pizza dos seus maridos para o jantar. O que é que eles fazem o dia inteiro? Nada! A mulher virtuosa completaria sua tarefa em uma hora!

A mulher virtuosa é preeminentemente uma mulher diligente - extremamente trabalhadora para o seu marido e filhos. Temendo o Senhor (Pv 31:30), esta mulher santa se dedica física e mentalmente das primeiras horas do dia até tarde, todos os dias. Ela não tem tempo de ficar falando ao telefone, extensos e-mails, olhando vitrines das lojas, ou reuniões sociais, estudos bíblicos com tele evangelistas, sentando durante horas nos treinos de bola dos filhos, jogando tênis, conferindo preços em dez lojas, costurando roupas que poderiam ser compradas, lendo por prazer, tomando lições de arte, ou outros passatempos desperdiçados.

Uma mulher com crianças pequenas e sem empregadas tem pouco tempo para negócios, mas isto é verdadeiro apenas durante alguns anos da vida da mulher. Se ela é uma boa mãe, até mesmo as meninas na faixa de idade de 8 a 12 anos podem fazer muitas tarefas domésticas. O coração de uma grande mulher é motivado a fazer mais assim que for possível. Ela não dita um ritmo de trabalho para ela mesma, não protege um estilo de vida ociosa, ou se tornar uma mãe de esportista. Ela quer trabalhar mais do que o seu marido e contribuir financeiramente, e ela faz isso!

A mulher virtuosa é criativa, diligente, energética, focada, intensa e, mais do que tudo, produtiva. Ela realiza muito durante cada dia! Ela não perde nem gasta tempo. Sua família é bem cuidada, mas ela não para aí. Ela olha para o futuro e constrói o patrimônio. Homens casados com tais mulheres deveriam dar a elas parte dos seus ganhos, para que possam colocar ainda mais para o aumento de sua poupança (Pv 31:16,31). Seu marido é conhecido por causa dela (Pv 31:23,28).

Mulher cristã, aqui está um padrão; aqui está o ideal - a mulher virtuosa. A lição é simples: ela assume projetos financeiros para acrescentar à renda familiar, seja um emprego assalariado ou um pequeno negócio. Ela não está contente com a vida vagarosa de uma dona de casa numa era de muitas conveniências. Ela encontra outras oportunidades para acrescentar a renda familiar, e ela não sacrifica a família enquanto faz isto. Ela é uma mulher perfeita. Imite-a!

Homem cristão, aqui está o padrão: aqui está o ideal - uma mulher virtuosa. Existem dois critérios inspirados que a mãe de um rei ensinou: a mulher que será uma grande esposa teme ao Senhor (Pv 31:30), e ela é excepcionalmente criativa e diligente, muito além das tarefas domésticas. Exija estas duas características, e você terá uma jóia cujo valor é muito acima dos rubis (Pv 31:10). Se os homens exigissem mulheres assim, o mundo seria um lugar muito melhor para morar.