Provérbios 31:21

No tocante à sua casa, não teme a neve, pois todos andam vestidos de lã escarlate.

Play Audio

A mulher virtuosa é diligente, previdente e refinada. Ela olha e considera com antecipação para que o futuro nunca a surpreenda. Ela está preparada para o inverno ou para qualquer outra situação que exija um preparo especial. Ela não se prepara com antecedência, mas ela também tem uma visão para a qualidade e a aparência. A sua família está muito bem preparada para a estação fria, mas também estará bem apresentável nas finas vestes que ela obtém para eles.

A mulher ideal teme ao Senhor acima de tudo o mais, que estabelece o alicerce para o seu caráter e conduta perfeita (Pv 31:10-12,30). Entretanto, a diligência é a virtude primária da maravilhosa mulher nessa extensa descrição. Versículo após versículo descreve a sua energia, iniciativa, trabalho e produtividade, ambos no lar e nos seus empreendimentos comerciais. Ela não é distraída ou desviada por divertimento, recreação, sono ou férias. Ela é uma trabalhadora.

Mas trabalhar muito com pouca objetividade é uma perda de esforço! Sabedoria é valiosa para orientar a energia e a força nos projetos produtivos. Uma árvore é derrubada com mais eficiência com um machado afiado, ao invés de um machado cego (Ec 10:10). Uma mulher virtuosa tem uma mente assim como ela tem uma costa! Ela pensa e também trabalha! Ela olha para frente e vê as necessidades que se aproximam, para que possa se preparar com antecedência e estar pronta quando elas chegarem.

Para aqueles que vivem numa parte do mundo com estações bem definidas, um dos deveres de uma grande mulher é ter o vestuário preparado para o clima frio do inverno. Com crianças que estão crescendo, isto exige a aquisição de conjunto de suéter, casaco, botas e outras roupas de proteção para cada criança. Considerando que a maioria dos orçamentos familiares não comportam todas as compras de uma só vez, uma mulher sábia planeja com antecedência e começa a adquirir os itens de vestimentas muito antes da chegada da primeira neve.

Uma mulher tola ou preguiçosa vive do dia a dia. Ela mal consegue terminar cada dia. O futuro a oprime e a intimida - ela quase não tem o comprometimento e a energia para sobreviver o dia de hoje. Ela está preocupada em tirar uma soneca, escapar de ter que preparar o jantar, ou planejar umas férias. Necessidades futuras que exigem previsão orçamentária e compras prudentes podem aguardar, diz ela. Ela não consegue enxergar o mal que se aproxima e não consegue se esconder dele (Provérbio 22:3; Pv 27:12).

De que forma o escarlate protege? Uma cor vermelha viva pode aquecer o corpo? Este provérbio - um ditado conciso com uma sabedoria oculta - descreve a preocupação de uma grande mulher pela classe e pela qualidade, não só o aspecto do ponto de vista funcional. Trapos não eram tingidos de escarlate! Sua família tinha roupas quentes não só prontas, como também eram atraentes e na moda. Ela é diligente, previsível, preocupada com a qualidade e consciente do que é belo. Ela não faz vista grossa a nada! Ela sabe que a apresentação, a imagem e a reputação tem um valor limitado e, por isso, ela leva isto em consideração nos seus planejamentos e nas suas compras.

Mulher, o que é que a sua família logo, logo, estará precisando? A casa necessita de uma pintura? As calhas precisam ser limpas e desobstruídas? O berçário preparado? O congelador abastecido? As filhas educadas a respeito do casamento? As roupas do seu marido que vai viajar estão preparadas? Planejamento a longo prazo para os cuidados dos seus pais? Uma consulta preventiva para eles e para você? Uma reserva para o pagamento das parcelas do seguro? Uma mulher sábia já estaria preparada para estas coisas, com classe!