Provérbios 30:22

Pelo servo, quando reina; e pelo tolo, quando anda farto de pão.

Play Audio

Temos aqui dois tipos de homens que você não deve ser e que você deve evitar a todo custo pela paz e o prazer na vida. Quando os homens são promovidos além da sua habilidade, treinamento, ou berço de nascimento, eles se tornam intoleravelmente arrogantes e incompetentes. Quando os insensatos são alimentados, protegidos, ou honrados, eles darão vazão a maiores insensatez que de outra forma não ocorreria.

Este provérbio é uma lista de quatro tipos de pessoas que incomodam a humanidade e que são insuportáveis (Pv 30:21). O profeta Agur usou conjuntos de quatro objetos para ensinar a sabedoria (Pv 30:11-31). Temos aqui duas classes de homens que você encontrará pela vida que inquietam a terra e custa a paz e a tranquilidade do mundo. Sabedoria é não ser igual a eles e nem os suportar.

Deus fez tudo bom no começo (Gn 1:31). Ele ordenou a ordem na sociedade humana para a paz, o prazer, e a prosperidade de todos. Quando a ordem Dele para a sociedade é alterada, estes preciosos objetivos estarão comprometidos ou perdidos. Temos aqui duas corrupções da ordem de Deus - um servo promovido a governar, e um insensato estimulado com alimento.

Considere o servo quando reina. Este é um homem a quem foi dado autoridade acima da sua habilidade, seu treinamento, ou nascimento. A honra não merecida encherá o seu ego e o levará a oprimir aqueles à sua volta ou sob a sua direção. O objetivo ou o valor do cargo que ele ocupa sofrerá, pois ele não consegue compreender suas responsabilidades ou executar as tarefas do cargo.

Deus fez os senhores e os servos. É um erro terrível reverter esta ordem, não importa o quão nobre pareça (Pv 19:10; Ec 10:5-7). As responsabilidades de um excedem em muito as habilidades do outro, expondo a tolice. É o juízo de Deus quando esta reversão corruptora do cargo é largamente difundida (Is 3:1-5). Isto é visto hoje em dia nos sindicatos, políticos, comissão de empregados, o grupo de diáconos, pesquisas políticas, crianças mimadas, departamentos de RH (recursos humanos), etc.

Homens de origens humildes podem subir para governar pelo favor de Deus baseado em suas habilidades e diligências, mas é ignorância pensar que uma promoção vai melhorar as habilidades ou a diligência de qualquer um. Deixe que o creme venha à superfície, mas não chame leite desnatado de creme! José subiu de uma posição de servo à de governante, mas ele era um príncipe à vista de Deus e dos homens até mesmo antes de Potifar adquiri-lo!

O mundo de negócios indiretamente reconhece um aspecto deste erro como "Peter Principle" (princípio de Pedro) - "todo empregado tende a subir até o nível da sua incompetência." Promoções frequentes por razões outras que não o desempenho leva muitas posições de alto nível a serem preenchidas por empregados incompetentes para exercer as suas responsabilidades. O trabalho naquelas empresas é realizado por empregados que ainda não foram promovidos ao seu nível de incompetência.

A sua sabedoria é a de promover a ordem de Deus de todas as formas que puder, começando em casa onde os servos costumavam trabalhar. A estrutura da autoridade de pai, mãe e filhos deve ser observada em todo o tempo e ensinada às crianças desde o nascimento. Olhando para fora do lar, o valor de qualquer posição ou missão deve ser compatível com as comprovadas habilidades e diligência daqueles que ocupam o cargo. Se oponha à reversão desta ordem sempre que possível.

Considere um insensato quando está cheio de carne. O insensato é uma pessoa que não teme a Deus e teimosamente pensa que está certo. Este tipo de pessoa é suficiente má sem a barriga cheia, e a sabedoria exige que você a evite (Pv 9:6; 13:20; 14:7), tirando deles qualquer honra (Pv 19:10; 26:1,8), e puna-os sempre que o puder justificar (Pv 10:13; 20:4; 26:3).

Prosperidade e prazer é uma maldição para o insensato, pois estas coisas enchem de orgulho a alma depravada dele e o leva a se gabar e ofender. Quando a sua barriga está cheia de bebida ou de carne, a sua boca é proporcionalmente mais alta e mais profana. Lembre-se da resposta ofensiva de Nabal a Davi (ISm 25:2-11 e 36), enquanto estava desfrutando a sua prosperidade. Este tolo destruiu a sua própria família.

Tais insensatos são encontrados em nossos dias em jovens rebeldes com vidas mimadas, atletas profanos com salários excessivos, professores universitários perversos no exercício do cargo, e atores ignorantes com contratos extravagantes. Jovens selvagens, filósofos amantes de si mesmo, e corruptos amantes do palco são suficientemente ruins sem precisar de ajuda. Mas quando são louvados, protegidos e alimentados, suas palavras e feitos crescem a decibéis insuportáveis.

É sabedoria promover a piedade e esmagar a tolice em qualquer esfera em que você tenha influência. Começando em casa, recompense o fiel e pune o preguiçoso. Louve o justo, e condena o ímpio. Promova a diligência e recuse o preguiçoso. Sua família e o mundo não podem tolerar o insensato; portanto, não seja um cúmplice deles estimulando-os de alguma forma.

Que todo o homem ame a organização de Deus na sociedade e mantenha a distinção necessária e produtiva entre os senhores e os servos, de todos os tipos e de todos os cargos, sempre que possível. Que os insensatos não encontrem conforto, amizade, ajuda ou apoio em você. Exponha-os e desconheça-os onde você puder. Sua paz e tranquilidade e a daqueles à sua volta dependem isto de você.