Provérbios 26:28

A língua falsa aborrece aquele a quem ela tem maravilhado, e a boca lisonjeira opera a ruína.

Play Audio

Palavras boas não são prova de boas intenções. Mentirosos e bajuladores estão lá fora para o destruírem, não importa quão boas são suas palavras, não dê atenção às desculpas deles (Pv 26:24-25). Um homem sábio rejeita os dois tipos de homens, assim como fez Davi (Sl 101:3-8). Se você tolerar essas pessoas enganadoras em sua vida, elas vão lhe levar para o buraco (Pv 20:19; 29:5). Elas estão escondendo o ódio e a destruição atrás das suas palavras mentirosas, e os homens nobres e prudentes ficarão longe delas.

Um homem mente por vantagens ou para se proteger. Ele é egoísta e perverso, ele não sentirá nenhuma culpa por enganá-lo de forma a se autopromover. Não importa qual é o relacionamento dele com você ou quão bondosamente ele fala em outras ocasiões. Se ele mentiu para você, então você precisa correr para longe dele; seja uma calúnia a seu respeito ou uma mentira na tua cara. O engano dele prova que ele o odeia, ele tem como objetivo lhe ferir ou lhe usar. Verdadeiros amigos nunca mentem.

Bajulação é o louvor cujo objetivo é o de lhe enganar, levando-o a fazer aquilo que o bajulador quer que você faça. Isto é uma forma de mentira, mas é mais difícil de detectar e resistir. Os homens adoram o louvor e, por isso, eles são facilmente embalados ao sono pelo caluniador, pois ele é esperto, amigável e sutil, manipulando o seu engano, enquanto que os mentirosos são mais fáceis de serem identificados pela malícia aberta e perversa.

Você está vigilante e intolerante contra os enganadores? Vendedores agressivos podem mentir ou lhe elogiar com o objetivo de vender um produto inferior. Muitas jovens perderam sua virgindade ou mulheres a sua fidelidade conjugal a mentirosos prostitutos bajuladores (IISm 13:1-13). Muitos homens foram levados ao inferno pelas mentiras de mulheres prostituidas (Pv 2:15-18; 5:3; 6:24-26; 7:5,21-23). Muitos cidadãos já votaram em políticos corruptos por causa da bajulação e das falsas promessas, pois o processo eleitoral, na maioria dos países, está baseada em palavras ao invés de caráter e realizações.

Pais, vocês devem punir severamente a mentira e a bajulação, e devem ensinar seus filhos a rejeitarem mentirosos e bajuladores (Jó 32:21-22). Ensine-os que Deus odeia os mentirosos e que Ele haverá de julgá-los, e que os mentirosos estão a caminho do inferno (Pv 6:16-19; Jó 17:5; Sl 12:2-3; Ap 21:8). Ensine-os que amigos que dizem a verdade, mesmo que doa, são melhores do que os beijos de um inimigo (Pv 27:5-6). Ensine-os que os homens devem ser julgados pelas suas ações e vidas, não pelas suas palavras (Pv 20:11).

A religião têm muitas mentiras e adulações, pois o diabo usa isto desde o Éden (Gn 3:1-13; Jo 8:44). Os judeus bajularam e mentiram para Jesus com o objetivo de pegá-lo num laço (Lc 20:20-21). Mestres falsos usam boas palavras e um linguajar agradável para enganar os seus ouvintes desavisados (Rm 16:17-18). Roma conta mentiras a respeito da abstinência da carne e do casamento (ITm 4:1-3). Mas pastores e mestres fiéis nunca usam um palavrear bajulador ou mentiroso (IICo 2:17; 4:2; ITs 2:3-6).

Jeová é um Deus da verdade, como também o é Seu Filho Jesus Cristo, que é Fiel e Verdadeiro (Ap 19:11). Todos que se chamam pelo Seu nome precisam se certificar de que cada palavra seja honesta, sincera e verdadeira ... e bem óbvia aos olhos dos outros (Dt 32:4; Rm 12:17; IPe 2:12).