Provérbios 23:17

Não tenha o teu coração inveja dos pecadores; antes, sê no temor do Senhor todo o dia.

Play Audio

O mundo exalta e promove pecadores. Estrelas do cinema, atletas, artistas de teatro, magnatas dos negócios, realezas, políticos, e outros pecadores ricos e famosos lhes são impingidos todos os dias. Salomão, com sábio amor paterno, avisou o seu filho contra a inveja dos pecadores mundanos (Pv 24:1,19). Por outro lado, ele sabia que o temor de Deus deveria ser sua única ambição (Ec 12:13-14).

Cara geração, de todas as nações, tem seus heróis e estrelas; mas só recentemente a imagem e as palavras desses pecadores populares estão sendo jogada em cima de você a toda a hora. Se este aviso era importante nos dias de Salomão, hoje em dia é ainda mais. Todos esses pecadores estão indo para baixo e todo santo deve crer totalmente nisto e viver de uma maneira que demonstre isso (Pv 23:18; Sl 37:1-3).

Para cada santo, existem 10.000 pecadores a serem imitados. Em todas as idades, tanto do sexo masculino como do feminino, e de toda sorte de temperamentos, descobre que determinados pecadores são tentações. Eles imaginam como a vida seria feliz, se tivessem as habilidades, aparências, sucesso, cônjuge ou as circunstâncias de seus ídolos. Ele pode ser um produto de Hollywood: ela pode ser uma colega de classe ou de uma vizinha. O temor do Senhor é muito melhor. Cada pecador, não importa quão rico ou famoso que seja vai morrer e vai para o inferno (Sl 49:6-20).

Assim, temer a Deus é toda a obrigação do homem (Ec 12:13-14). Com a benção e o favor de Deus, até mesmo a obscuridade e a pobreza é melhor do que as defectibilidades, vidas sem esperança e o sofrimento eterno dos maus (Pv 15:16; Sl 37:16). Acredite nisto, leitor!

Moisés não tinha inveja de Faraó ou dos seus pares emergentes; ele escolheu o desprezo de Jesus Cristo como tendo muito mais valor, pois ele via a sua vida eterna e a deles (Hb 11:24-26). Asafe descreveu com palavras maravilhosas a sabedoria de enxergar além do brilho para a sepultura (Sl 73:1-28). Enquanto Demas amou este mundo presente, Paulo amou o mundo futuro (IITm 4:7-8,10).

O necrotério ensina o futuro das moças atraentes. As deusas de ontem estão alimentando os vermes de hoje. Melhor ainda, visite uma ala de cancerosos de um hospital. Antes de apodrecerem na sepultura, elas assumem uma aparência terrível e fantasmagórica! E depois vem o inferno! Jovens que invejam modelos é uma coisa; mulheres adultas invejando modelos é duas vezes mais vaidade! Mas a mulher virtuosa, se afastando dessas atrações do mundo para buscar a Cristo, viverá em agradável esplendor para sempre(Sl 23:18; ITm 2:15).

Leitor! Porque ler revistas que as exaltam? Porque assisti-las na televisão? O mundo apresenta traços atraentes de seus ídolos: você não os vê embriagados com frequência, divorciados, deprimidos, morrendo ou mortos. Porque sonhar acordado com eles? O seu coração enganador passa o tempo considerando os traços sedutores deles; ele mente pra você a respeito das dificuldades atuais deles e do juízo futuro, e você acredita! É muito melhor se invejasse o justo e desejar ter o seu caráter e reputações!

O seu pensamento constante deve ser o de temer ao Senhor, o que significa odiar o mal e guardar os seus mandamentos (Pv 8:13; 14:2; Sl 112:1; 128:1). Temer ao Senhor não é uma mentalidade para devoções, para tempos de dificuldades, para orações, para a adoração domingueira ou pela Santa Ceia - é um estilo de vida, perspectiva e uma visão do mundo que os santos adotam a cada minuto o dia todo. Inveja de pecadores não consegue, nem por um segundo, um nicho em seu coração ou na sua alma!