Provérbios 22:22

Não roubes ao pobre, porque é pobre, nem atropeles, na porta, o aflito.

Play Audio

O que acontece se você se aproveita do pobre ou do aflito? O próprio Deus Jeová assumirá e defenderá a causa deles; Ele saqueará a sua alma por ter saqueado a eles.

Este provérbio é apenas metade da advertência completa de Salomão. O verso seguinte diz, "Porque o Senhor defenderá a sua causa em juízo, e aos que os roubam lhes tirará a vida." (Pv 22:23).

Outro provérbio avisa, "Pai de órfãos e juiz de viúvas é Deus no seu lugar santo." (Sl 68:5).

Mas Moisés deu o aviso graficamente, "A nenhuma viúva nem órfão afligireis. Se de alguma maneira os afligirdes, e eles clamarem a mim, eu certamente ouvirei o seu clamor, e a minha ira se acenderá, e vos matarei à espada; e vossas mulheres ficarão viúvas, e vossos filhos, órfãos." (Êx 22:22-24). Esta é uma questão muito séria.

Os pobres e os aflitos não conseguem se defender bem. Algumas pessoas creem que isso os torna um alvo fácil, mas eles se esquecem do fato mais importante do universo. Deus os defenderá. Cuidado! Qualquer furto é roubo (Êx 20:15), mas Deus o considera uma ofensa pior quando é contra o pobre. "Não perverterás o direito do teu pobre na sua demanda." (Êx 23:6).

Roubar o pobre é tirar vantagem deles financeiramente. Seria melhor pagar a mais ou vender por menos ou até ser defraudado nas negociações com eles (Pv 20:14; 11:26; ICo 6:7-8). Afligi-los no portão é tirar vantagens deles em qualquer situação legal ou relacional. As controvérsias eram resolvidas nos dias de Salomão pelos mais idosos da cidade, dando a sentença nos portões da cidade.

Existem três maneiras pelas quais você pode tratar o pobre e o aflito, e cada um tem o seu próprio resultado para você. Em primeiro lugar, você pode tirar deles, maltratá-los ou abusar deles como afirma os provérbios e os avisos descritos acima. Deus defende aqueles que não podem defender a si mesmo, e Ele os vingará destruindo-o ou a qualquer um que pretenda tirar vantagem deles.

Em segundo lugar você pode ignorá-los e às suas necessidades por estar muito ocupado e por não querer se envolver. Salomão alertou a respeito desta resposta, "O que tapa o seu ouvido ao clamor do pobre também clamará e não será ouvido." (Pv 21:13). E, "O que dá ao pobre não terá necessidade, mas o que esconde os olhos terá muitas maldições." (Pv 28:27).

Em terceiro lugar, você pode estar atento e ser prestativo para com eles e às suas necessidades, porque isto é a pura religião Dele (Tg 1:27; Lc 10:25-37; 14:12-14). Salomão escreveu, "Ao Senhor empresta o que se compadece do pobre, e ele lhe pagará o seu benefício." (Pv 19:17). Quando o SENHOR paga é mais do que com juros e correção monetária (Lc 6:38)!

Nem todos os que afirmam serem pobres são pobres, e nem todos que alegam estar aflitos estão aflitos. Existem mais pedintes e aqueles que acham que merecem uma refeição grátis, do que jamais houve antes. Você deve examinar com justiça cada caso para encontrar a vontade de Deus na questão (Jo 7:24). O bom samaritano não pensou duas vezes, porque a necessidade desesperadora era óbvia, mas Josué não esperou o suficiente para evitar ser enganado (Js 9:3-16).

Quais os pobres e aflitos que Deus tem colocado em sua vida? Não perca nenhum. Não seja apressado. Comece com a sua família, em seguida com a sua igreja, depois os de outras igrejas que pregam a verdade, e então aqueles que Deus coloca no curso normal dos seus negócios. Esta é a ordem e a prioridade Dele. Todos os da sua família como pais ou avós estão sendo cuidados? Existem viúvas, órfãos, ou aqueles da sua igreja com um legítimo "ato de Deus" em suas vidas?

De que forma você dá gorjeta? Você é suficientemente sábio para saber que algumas pessoas que servem as mesas ao invés de gerenciarem bancos são os pobres descritos neste provérbio? Você é daqueles que dá gorjetas mesquinhas, medianas ou generosas? A gorjeta, se você não sabe, é a maior parte dos salários deles, reconhecido assim pelo empregador, empregado e o governo. Você dá um agrado às pessoas que fazem o serviço de quarto quando você fica em um hotel? Deus vê tudo.

Seu futuro depende disso. Uma das coisas mais reveladoras ao observarmos a vida é ver aqueles que raramente dão gorjetas, os parcimoniosos e miseráveis, lutam com dificuldades financeiras e os generosos e liberais prosperam. Salomão ensinou a razão disso, mas poucos são capazes de entender a lição e pô-la em prática (Pv 11:24-25). Você nunca será um perdedor sendo liberal com alguém que você acreditou ser pobre.

O Deus da Bíblia é incrivelmente justo, misericordioso e sábio. Ele toma conhecimento do menor dos homens, e Ele recompensa os seus menores cuidados, negligência ou abuso deles. A Bíblia escrita por Ele é um biblioteca divina de sabedoria, incluindo este livro de Provérbios para lhe ensinar sabedoria para a Sua glória, o benefício daqueles à sua volta, e à sua prosperidade e sucesso.

O que você vai fazer a respeito desta lição? Todo homem dará conta daquilo que lhe foi ensinado e em que grau ele colocou tudo isto em prática. Ame este Deus. Ame a Sua palavra. Ame os pobres e ajude-os quando você tiver a oportunidade de acordo com as regras Dele. Que Deus possa abençoar aqueles que levam sua vida e religião com seriedade para obedecer esta sabedoria.