Provérbios 22:19

Para que a tua confiança esteja no Senhor, a ti tas faço saber hoje, sim, a ti mesmo.

Play Audio

Você é agradecido por palavras? A porção menor da linguagem que transmite significado? As certezas palavras da verdade, trazendo sabedoria e conhecimento, são necessárias para conhecer e crer em Deus. Elas comunicam as coisas excelentes que Ele tem preparado para os Seus eleitos (ICo 2:1-16). Deus tinha ensinado a Salomão o valor das palavras e, por isso, ele lembrou aos seus leitores para considerarem a grande dádiva que Ele lhes deu - as certezas palavras da verdade (Pv 22:17-21).

Palavras específicas também são necessárias para responder perguntas apropriadamente (Pv 22:17-21). Os cristãos devem dar uma resposta lógica a respeito da sua esperança em Deus àqueles que lhes perguntarem e uma razão exige o uso de palavras inteligentes e lógicas (IPe 3:15; ISm 12:7; Is 41:21; At 24:25). Lucas escreveu dois tratados contendo muitas palavras a um nobre homem grego chamado Teófilo, para provar os fatos a respeito de Jesus Cristo e dos seus apóstolos (Lc 1:1-4; At 1:1-4).

Deus escolheu se comunicar com os Seus filhos eleitos através de palavras. Ele poderia ter criado vídeos musicais, um esmerado livro de figuras com cenas emocionantes, sentimentos calorosos e turvos através da dramatização, entonação arábica, murmúrios hindus, línguas carismáticas, ou um alimento especial para transmitir a verdade. Mas Ele escolheu o ensino através de Suas palavras inspiradas (Dt 4:1-19; 6:4-9; 8:3; 11:18-21; 12:28-32; 17:18-20; 18:18-19; 27:1-3,8,26; 28:14; 29:19-20,29).

A Bíblia é a palavra de Deus, preservada durante quase 4000 anos (Sl 12:6-7; Is 30:8; Mt 5:18; ICo 2:13; 14:19; ITm 4:6; 6:3; IITm 1:13). Cada palavra é necessária para o homem viver a vida de fé (Dt 8:3; Lc 4:4). Jesus e Paulo argumentavam com base em palavras isoladas (Mt 22:32,43; Jo 8:58; 10:35; Gl 3:16; 4:9; Hb 8:13). Deus julgará os publicadores e os leitores das versões modernas que alteram, deletam e acrescentam palavras (Pv 30:5-6; Ap 22:18-19).

O ensino bíblico está claramente descrito na Bíblia e não se parece, de forma alguma, como aquelas palestras de estímulos e de se sentir bem, transmitidas por pastores que buscam seguidores sensíveis (Ne 8:8). Há três passos a serem tomados: leia as palavras, explique as palavras e aplique as palavras. Você não precisa de músicas intermitentes do órgão, figuras gráficas de flanelas num quadro, uma dança interpretativa, um bracelete WWJD ("What Would Jesus Do" = O Que Faria Jesus), ou um desenho a giz. Paulo ordenou que a palavra fosse pregada (IITm 4:1-2)! De que forma? Pela pregação da palavra!

Os eleitos de Deus amam tais pregações! O Espírito Santo elogiou os bereanos por serem mais nobres que os de Tessalônica. Por quê? Porque receberam tais pregações de bom grado (At 17:11)! Jesus disse aos Seus apóstolos que eles eram abençoados por ouvirem as Suas palavras (Mt 13:16-17). E, por esta razão, eles ensinaram as palavras da verdade aos outros (At 5:20; 10:22; 13:42; 26:25). Você é grato pela sã pregação das palavras da Bíblia? Muitos não são (IITm 4:3-4)! É um dia bom e uma grande benção quando as palavras da verdade são feitas conhecidas a você.