Provérbios 21:12

Prudentemente considera o justo a casa do ímpio, quando os ímpios são arrastados para o mal.

Play Audio

Os homens de bem sempre saem ganhando. Mesmo que haja momentos em que parece que estão perdendo, eles sabem o que é melhor, e o Deus Todo Poderoso está ao lado deles. Os ímpios presumem que estão no controle, mas o Juiz de todos está empenhado em destruí-los. Esta é uma regra infalível da vida e da eternidade.

Em função do comprometimento da verdade nestes dias perigosos dos últimos dias (IITm 4:3-4), este tema comum da Bíblia é praticamente desconhecida (Sl 9:16-17; 37:34-40; Pv 10:6,24-25,27-30; 11:3-9,18-21; 12:2,7,21; 13:6,9,21-22; 14:11,19,32; 15:8-9,29; 21:18,21; 28:18).

Você consegue enxergar o futuro? A sabedoria nos dá essa habilidade. Você a possui? Você deveria ver que aqueles que são populares e prósperos hoje, brevemente serão apagados. Quais são os que serão destruídos? Aqueles que aberta e orgulhosamente vivem vidas ímpias serão julgados por Deus. A sabedoria inclui o discernimento e o entendimento para enxergar o acerto de contas em breve com Deus.

Moisés escreveu a respeito daqueles pecados contra o SENHOR, "Porém sentireis o vosso pecado, quando vos achar." (Nm 32:23). Os homens sábios conhecem este axioma do universo de Deus. Quanto mais público e profano for o pecador, não importa quão seguro ele está naquele momento, o mais provável será a sua morte em breve (Jó 20:4-29). Aprenda a olhar para além do brilho e da loquacidade de famosos pecadores para enxergar a sua breve ruina.

Homens justos vivem vidas disciplinadas, negando a concupiscência que os outros satisfazem diariamente. Isto pode sacudir a fé e a determinação deles ao verem os ímpios prosperando nas suas maldades (Sl 73:1-15), mas rapidamente eles caem em si ao lembrarem-se da santa justiça de Deus e a vingança contra os pecadores (Sl 73:16-28). Eles sabem que de Deus não se zomba - uma reviravolta violenta da sorte está a caminho (Gl 6:7).

O mundo adora pecadores profanos e devassos, especialmente os famosos do mundo do entretenimento, atletas ou políticos. Eles têm nomes conhecidos nos lares; as palavras e a movimentação deles são seguidas de perto; suas fotos estão por toda a parte; eles são conhecidos como estrelas; conseguem imensos contratos financeiros; são bem vindos em qualquer lugar e em qualquer tempo. Para os seus fãs e bajuladores, parecem ser invencíveis felizes e bem sucedidos. Mas Deus está pegando fogo (Na 1:2,5-6; Hb 12:29)!

Considere alguns destes; Quão grande é Alexandre, sua família ou a Grécia hoje (Dn 8:8; 11:1-4)? Onde estão os Faraós? Porque o Egito é uma nação sem grande expressão (Ez 29:14)? As lindas e poderosas cidades e reinos da Babilônia e de Tiro são ruínas comparadas com o que eram quando viviam impiamente. Tiveram uma reviravolta em suas sortes (Is 47:1-15; Ez 28:1-26)! Você consegue encontrar os Hititas, os Amoritas, os Amonitas, os Filisteus, os Moabitas ou os Edomitas?

Considere mais alguns. Pelas definições bíblicas da impiedade, que são totalmente estranhas e extremas até mesmo para as pessoas religiosas nesta geração ignorante, você consegue lembrar as vidas a seguir, sem que a sua visão seja corrompida pelos sentimentalismos? O que dizer a respeito de Elvis, Marilyn, John Lennon, Lenin, Errol, Jimi, James Dean, Jim Morrison, MEL, Princesa Diana, John Kennedy, Al Capone, Eva Braun, MJ, Bonni e Clyde, Keith Moon, Kurt, Amy, etc.?

Você sabia qual era a expectativa de vida dos ''rappers'' não muitos anos atrás? De Deus não se zomba. Eles não podem viver uma vida pública de excessos que praticam e se dar bem com isso. Deus está no Seu trono, rindo-se deles (Pv 1:24-31; Sl 2:4-5; 37:9-15). Homens justos podem aprender a considerar tais pessoas com sabedoria e prever o fim delas.

Os justos humildes, os filhos e amigos de Deus, sabem que a fúria divina é contida pela longanimidade de Deus (Sl 50:21-22; Rm 9:21-24). Eles sabem que Ele retém o juízo para que o ímpio cometa pecados cada vez maiores para, com isto, receberem maior julgamento (Gn 15:16; Dn 9:24; Mt 23:29-36). Quanto mais Ele espera, mais quente se torna o fogo da Sua santa e zelosa ira.

Se você não conhece este Deus temível e terrível, você precisa começar a ler a Bíblia (Dt 29:20; 32:21-25; Sl 21:9; 76:7; 137:7-9; Is 66:15-16; Jr 10:10; IICo 5:9-11; Hb 10:26-31). Se você lê a Bíblia e não sabe disso, então você precisa de um novo pregador (Is 30:8-14; Jr 1:9-10; 23:25-32; Ml 2:7; Mt 21:40-46; 22:1-14; IITm 4:3-4).

Qual é a lição? Homens sábios aprendem que a horrível fúria de Deus está se aproximando sobre os ímpios e, por isso, não há razão para ter inveja deles (Sl 37:1,7; Pv 3:31; 24:1,19). Eles levam em conta a grande mudança da sorte que está a caminho neste mundo e no que há por vir. Eles sabem que é melhor ser um Lázaro mendigo do que um homem rico vivendo luxuosamente (Lc 16:19-26). Você sabe disso?

Porque existe um advérbio temporal ligando as duas frases deste provérbio? O homem justo mostra a sua sabedoria quando não é movido pela prosperidade e o sucesso do ímpio a curto tempo. Apesar dele parecer feliz e seguro, Deus está quase pronto para derrubá-lo. O "quando" indica que a subversão do ímpio por Deus vai de encontro a todas as aparências.

A vida do justo é ganhar-e-ganhar. Deus os abençoa neste mundo e, em seguida Ele lhes dá a vida eterna no mundo por vir. Aqueles que são escancaradamente ímpios são perseguidos por numerosos males nesta vida, e depois são lançados no lago de fogo por toda a eternidade. Mesmo que o justo sacrifique certas coisas agora, Deus o recompensará 100 vezes mais do que aquelas (Mc 10:28-30).

Não tenha inveja do ímpio. Não viva como eles vivem. Nunca seja um hipócrita, confiando neste provérbio, enquanto você, pessoalmente, vive pecaminosamente. Olhe o passado das mentiras bajuladoras da revista "People" (pessoas). Rejeite os contos de fada da popularidade e da riqueza. Veja um Deus santo e zeloso vindo em vingança sobre aqueles que desprezam a Sua palavra. Creia que Ele está vindo; ore pela vinda Dele; regozije nessa vinda (Sl 58:6-11).