Provérbios 15:24

Para o sábio, o caminho da vida é para cima, para que ele se desvie do inferno que está embaixo.

Play Audio

Você já tomou e ainda tomará muitas decisões hoje. Cada uma delas dirige a sua vida para o alto em direção ao favor de Deus agora e mais tarde, ou para a destruição agora e uma eternidade no inferno. Homens sábios tomam decisões cuidadosamente com consequências terrenas e eternas em mente, de forma a evitar problemas e o desagrado de Deus e de encontrar o favor e a bênção Dele.

As escolhas que os homens fazem a cada dia determina o sucesso ou a falha das suas vidas neste mundo e naquele por vir. A maioria está orgulhosa demais para considerarem os seus caminhos neste mundo e no por vir. Outros estão preguiçosos demais, por isso continuam se divertindo com seus brinquedos. Alguns não se importam, cegos para as consequências. Outros seguem a maioria. Alguns seguem os seus corações.

Mas todos estes critérios para a tomada de decisões na vida são tolices! O orgulho certamente trará dor e problemas (Pv 16:18; 18:12). A preguiça é a marca do insensato (Pv 18:1-2). A desatenção também indica insensatos (Pv 1:22; 17:16). A maioria está sempre errada (Ef 2:1-3; Mt 7:13-14; Êx 23:2). Acima de tudo, não siga o seu coração (Pv 14:12; 16:25; Jr 17:9).

Considere os seus caminhos! Examine-se a si mesmo! Rogue a Deus para ajudá-lo (Sl 139:23-24). De que forma você escolhe e decide o que fazer e o que não fazer? A palavra de Deus é o seu guia? Ou você segue os seus sentidos, as tendências do mundo, ou alguma outra influência? Um homem sábio não permite que a vida aconteça a ele, ele dirige a si mesmo para o alto em direção a Deus e à vida.

Não minta contra a verdade! Não se glorie nas suas escolhas só porque os seguia durante muito tempo! Se você está vivendo contrário à palavra de Deus, você está seguindo a sabedoria terrena, sensual e diabólica (Tg 3:14-16). Ela o levará à confusão e a toda espécie de obras más, e isto resultará em você ter que enfrentar um Deus irado no dia do juízo.

Não sacrifique o seu futuro no altar do presente, esquecendo ou recusando a examinar as suas escolhas e decisões. Sabedoria é o poder do justo juízo - a habilidade de saber o que fazer numa determina situação e você pode crescer poderosamente nessa sabedoria através do temor a Deus, lendo a palavra Dele e orando (Pv 1:7; 9:10; Sl 19:7; Tg 1:5).

Caro leitor cristão, o seu privilégio e dever é de fixar a sua mente nas coisas celestiais ao invés das coisas terrenas neste curto espaço de tempo da sua vida (Cl 3:1-4; Rm 8:4-8). As consequências são grandes. O pensamento espiritual leva à vida; o pensamento mundano leva à morte. Ao invés de ser um adorador do seu ventre, siga o Espírito de Deus e mova para o alto (Rm 8:9-13; Fp 3:17-20).