Provérbios 12:20

Engano há no coração dos que maquinam o mal; mas há gozo para os que aconselham a paz.

Play Audio

Que provérbio clássico! Se você gosta de desvendar ditados obscuros, aqui está a sua chance (Pv 1:6)! A chave para compreender a lição é a de analisar o contraste entre as duas sentenças do nosso versículo do dia. Aqueles que maquinam o mal contra os outros são mentirosos e serão punidos por isso. Os homens justos buscam a paz com suas palavras e conselhos, e Deus os abençoarão com alegria.

Enquanto que o contexto é de pequeno valor no livro de Provérbios - muitos dos versículos subsistem por si só. Salomão exaltou a verdade e condenou a mentira dentro do contexto (Pv 12:17-19,21-22). Portanto, a palavra "engano" no nosso versículo não diz respeito ao autoengano daqueles que maquinam o mal, mas o engano que os homens maus planejam e executam contra os outros. Homens com ambições malignas ou que têm inveja dos seus vizinhos usarão a mentira para levar vantagem sobre eles.

A comparação em muitos versículos de Provérbios é muito útil para se achar as elipses. Aqueles que maquinam o mal contra os outros são contrastados com aqueles que aconselham a paz. Alguns homens têm ambições malignas contra os seus vizinhos, mas outros homens só desejam a saúde e a paz deles. Enquanto que um utiliza do engano para corromper, roubar ou prejudicar, o outro usa a verdade para curar e fortalecer. A recompensa daquele é tristeza e dificuldades, mas a benção para os justos é alegria.

Temos aqui uma lição? A origem da mentira está no coração humano, onde ela começa com pensamentos malignos a respeito de outras pessoas. Se você tiver inveja odiosa ou ressentimento contra os outros, isto vai corromper os seus negócios com eles. Ao invés de lidar com honestidade e verdade no melhor interesse deles, você irá mentir para eles ou a respeito deles para cumprir a sua agenda maligna.

A cura consiste em guardar o seu coração com toda a diligência, pois a partir do coração estão todas as questões que tratam da vida (Pv 4:23). Jesus e Tiago advertiram claramente que todos os pecados têm origem no coração (Mt 12:34-37; 15:18-20; Tg 1:13-16). Se você abriga a inveja ou a briga em seu coração, isto faz com que você seja completamente vulnerável à confusão e todas as operações malignas do diabo (Tg 3:14-16).

Podemos extrair outra lição? Deus ama e abençoa os pacificadores (Mt 5:9)! Se a sua palavra e conselho a outros é verdade e paz, Deus o abençoará com alegria (Pv 15:23; IPe 3:10-13). Em oposição à confusão infernal, o mal de uma briga e a inveja está a paz e a justiça da sabedoria celestial (Tg 3:17-18). A diferença é enorme! Aconselhe a paz, hoje!

As diferenças entre os homens são comuns. Como é que você vai lidar com elas? Você vai perdoar aqueles que passam dos limites contra você (Pv 19:11; Mt 18:21-22)? Se você ofendeu os outros, você irá rapidamente para se reconciliar novamente (Mt 5:23-26)? Se você sabe dos problemas que existem entre uma pessoa e outra, você vai aconselhá-los a fazerem as pazes (Rm 14:17-19)? Aconselhe a paz, hoje!