Provérbios 12:17

O que diz a verdade manifesta a justiça, mas a testemunha falsa engana.

Play Audio

A verdade prova que o homem é justo e ele pesa em matérias de controvérsias pela justiça. Portanto, o homem que fala a verdade é valioso nos tribunais e nas amizades. Uma testemunha que deturpa a verdade demonstra um espírito enganador e ela pesa em matérias de controvérsias ao confundir a justiça e a verdade (Pv 14:5,25; 9:28; 21:28). Ele é desprezado e evitado.

A verdade e a justiça são inseparáveis. Não pode haver justiça sem a verdade e não pode haver nenhuma verdade sem a justiça. Os relacionamentos equitativos entre os homens sejam eles público ou privado, exigem honestidade e verdade. Se estes forem comprometidos, então a justiça também estará comprometida. Se aquilo que for apresentado é menos do que a verdade, então o engano entrou nessa proporção. Desde transações econômicas até declarações religiosas, a justiça depende da verdade.

O abençoado Deus da Bíblia, Criador do céu e da terra, é o Deus da verdade (Dt 32:4). Ele é tão Deus da verdade que Ele não pode mentir (Hb 6:18; Tt 1:2). Seu Filho Jesus Cristo é chamado de Testemunha Fiel e Verdadeira (Ap 3:14; 19:11). A Sua revelação escrita, a Bíblia, é muito certa e verdadeira em cada palavra e em tudo o que ela declara (Pv 30:5; Sl 19:9; 93:5; 119:138).

Deus odeia mentirosos. Eles confundem e destroem a justiça na terra, seja ela privada ou pública. Suas deturpações enganam os homens levando-os a crer em coisas que não são verdadeiras, que pervertem o ato de tomar decisões, desencaminham as pessoas para o erro, condenam inocente, livram o ímpio, escondem o evangelho Dele e promovem trapaças e atos fraudulentos. Portanto, todos os mentirosos, após esta vida, passarão a eternidade no lago de fogo (Ap 21:8).

Deus odeia mentirosos, "Estas seis coisas aborrece o Senhor, e a sétima a sua alma abomina: ... língua mentirosa ... testemunha falsa que profere mentiras ..." (Pv 6:16-19). Por isso, os homens bons e honestos rejeitam mentirosos! Davi disse, "O que usa de engano não ficará dentro da minha casa; o que profere mentiras não estará firme perante os meus olhos." (Sl 101:7).

Deus odeia mentirosos. Um dos Dez Mandamento condena a falsa testemunha (Êx 20:16). O SENHOR ordenou aos homens para ficarem longe de qualquer falsidade nos julgamentos (Êx 23:1-7). Se um homem perjurasse no tribunal, ele recebia a punição que estava previsto na questão que estava sendo deliberada, mesmo que isso fosse a pena de morte (Dt 19:16-21)! Que meio para realçar a memória!

Deus odeia a mentira. E Ele adora revelá-las. Tenha certeza, o seu pecado será descoberto. Acã mentiu a respeito do furto realizado em Jericó, mas ele foi descoberto e apedrejado e queimado junto com a sua família (Js 7:1-26). Que lição prática!

Deus odeia mentirosos. O primeiro mentiroso no universo foi o diabo, que mentiu para Eva e condenou a raça humana à morte eterna. Ele é o pai de todos os mentirosos e não há verdade nele (Jo 8:44). Qualquer pessoa que estiver mentindo está seguindo a influência maligna dele e revelando que o coração está sob o controle dele, mesmo sendo ministros do evangelho (IICo 11:1-4,13-15; Ef 2:1-3).

Deus odeia mentirosos. Quando os homens preferem a mentira sobre a verdade, o Deus da verdade, como a justa punição deles, lhes enviará mentiras para que acreditem nelas (IRs 22:1-40; Ez 14:6-11; IITs 2:9-12). Quando os homens rejeitam a verdade óbvia que está revelada no universo criado, Ele cega as suas mentes e os deixa às repugnantes perversões sexuais com os do mesmo sexo (Sl 19:1-6; Is 44:9-20; Rm 1:18-27).

Portanto, deixe todo leitor tremer diante do Deus da verdade! Que todo leitor odeie o mentir, o exagerar, o caluniar, o perjurar, o deturpar, o trapacear ou qualquer outra forma de engano. Que cada leitor dê prova e mostre a sua justiça ao exaltar a honestidade e a verdade, sem se importar com as circunstâncias ou as situações. Que ele seja honesto e transparente durante todo o tempo.

Felizmente, o Deus da verdade enviou o Seu Filho para salvar alguns mentirosos dos seus pecados, o que Ele fez ao pagar a dívida eterna da punição deles e em seguida criar neles um novo coração que ama a verdade e odeia as mentiras (Ef 1:3-12; 2:1-10; 4:24). O evangelho de Jesus Cristo encontrado na Bíblia é a única fonte de verdade no mundo que pode salvar uma pessoa dos enganos e da destruição do diabo que está por toda a parte (ITm 6:3-5,20-21; IITm 3:13).