Provérbios 10:10

O que acena com os olhos traz desgosto, e o insensato de lábios vem a arruinar-se.

Play Audio

Alguns homens são ardilosos e causam danos reais. Alguns homens soltam a língua, causam danos, e são tolos. Compare estes dois tipos de homens a cachorros. O latido do cão geralmente é pior que a sua mordida. Cães que ladram raramente mordem. Tome cuidado com um cão silencioso. Cães tímidos são os que mais latem. O provérbio apresenta dois maus caráteres, e são comparados pelos danos que causam aos outros ou a si mesmos. Qual destes dois é o mais perigoso?

Sabedoria é o poder de julgar retamente - a habilidade de discernir a pessoa ou a situação e fazer o que é mais eficaz e prudente. Salomão usou este provérbio para avisar a respeito do tipo de homem sutil e furtivo, pois ele pode causar muito dano e problema na vida de outros. O homem com um modo de falar tempestuoso geralmente não é tão perigosos, e ele se autodestruirá pela tolice da sua própria boca. Aprenda sabedoria e proteja a si mesmo.

O provérbio tem duas frases. A primeira descreve o homem perverso, pois Salomão já tinha se referido a ele anteriormente (Pv 6:12-15; Sl 35:19). A segunda frase também descreve o homem ímpio (Pv 10:8; 18:6-7; III Jo 1:10). Os dois homens são perversos. Os dois serão julgados. Mas um é mais perigoso do que o outro.

Um homem que pisca com os olhos é perigoso, pois ele é sutil, reservado, sedutor e subversivo. Ele é o cão silencioso - aquele que morde sem aviso. Você precisa evitar essa serpente má e, por isso, Deus deixou o aviso sobre um perigo maior. Cuidado com os hipócritas, que escondem as más intenções pelas palavras boas e de uma maneira de falar agradável (Pv 26:24-26; Rm 16:17-18). Esses mentirosos podem chamar a travessura deles como uma brincadeira, mas são perigosos e precisam ser rejeitados (Pv 26:18-19).

Essa pessoa ardilosa pode estar escondida. Ela talvez não seja exposta até o Dia do Juízo. Homens tolos talvez nunca reconheçam o perigo, mas os homens sábios aprenderão a identificá-los como também os evitar. Quando um homem raramente fala diretamente, mas depende sim em insinuações e manobras manipulativas, você precisa ficar de olho em suas costas! Não se pode confiar nele, pois os homens honestos não agem assim. Você se encontrou com um cão que prefere morder a latir.

Um tolo tagarela é um idiota que tem uma boca grande e é prolixo, pois tagarelar é murmurar e palavrear sem qualquer objetivo real. Este causa poucos danos. Ele geralmente só late. Sua mordida é mais fraca do que o barulho que ele gera. Ele se revela em poucos minutos depois de ser apresentado. Ele é mais barulho do que mordida. Ele está caindo enquanto fala, porque os outros podem facilmente reconhecer que ele é um fanfarrão e um alardeador que não faz mal. Ele cai na sua própria armadilha sempre que abre a boca p´ra falar (Pv 10:14; 13:3; 14:3; Ec 5:3; 10:3,12-13).