Provérbios 9:14

E assenta-se à porta da sua casa ou numa cadeira, nas alturas da cidade.

Play Audio

O perigo é grande! A tentação é poderosa! A ameaça está em todos os lugares! Apesar de a Senhora Sabedoria ter oferecido bênçãos e segurança aos homens (Pv 9:1-12), existe uma mulher enganadora e sedutora atraindo e convidando os homens à destruição (Pv 9:13-18). Quem é esta mulher? Ela é a Senhora Tolice, a personificação do pecado e dos prazeres mundanos, que é representada pela mulher tola e adúltera, convidando os homens a cometerem adultério com ela.

Salomão usou Provérbios 8 para personificar a sabedoria. Ele apresentou a Senhora Sabedoria (Pv 8:1-9), e listou os seus benefícios (Pv 8:10-21), provou que Deus a possuía antes da criação (Pv 8:22-31), e concluiu com outro apelo (Pv 8:32-36). Em Provérbios 9, ele comparou a oferta de bênçãos que a Senhora Sabedoria oferece com a sedução à destruição da Senhora Tolice. Compare, especialmente, estes dois convites (Pv 9:4-5,16-17), e as suas duas refeições (Pv 9:5,17), E os dois resultados (Pv 9:11,18).

A personificação é uma figura de linguagem no qual um conceito abstrato é representado por uma pessoa. As características do conceito a ser aprendido são encontradas nas ações ou nas qualidades da representação. Por exemplo, a Senhora Liberdade, a estátua que dá as boas vindas aos imigrantes nos Estados Unidos, tem sete lanças na sua coroa representando os sete mares ou os sete continentes da terra, segura uma tocha para guiar no caminho da liberdade, segura ao seu lado uma placa representando as justas leis, está vestida com uma toga da república romana e está em pé sobre as cadeias quebradas da escravidão.

A personificação da tolice - pecado e prazeres mundanos que destroem homens - é representada por uma mulher tola e barulhenta, que deixa o seu marido e a sua casa para seduzir estrangeiros a uma ligação adúltera (Pv 9:13-18). Esta criatura atrativa e tentadora sem moral ou conhecimento é uma armadilha fatal para os homens. Buscando seduzir homens com a mesma intensidade que a Sabedoria procura salvá-los com a sua poderosa linguagem chamando os homens para abraçarem a Sabedoria e rejeitarem a Tolice!

Qual é o caráter dessa meretriz? Ela "... assenta à porta da sua casa". Ela é preguiçosa, diferente da perseverança da Senhora Sabedoria (Pv 9:1-3). Ela odeia ficar em casa para o seu marido e sua família, porque ela está descontente com o seu casamento (Pv 7:11-12; ITm 5:11-15; Tt 2:3-5). Ela é ociosa como as mulheres de Sodoma, a quem Deus queimou vivas (Ez 16:49-50). Ela não tem consciência, pois ela convida estranhos a partir da casa do seu marido (Pv 30:20).

Ela se assenta "numa cadeira, nas alturas da cidade". Ela deixa o seu lugar em casa para se assentar audaciosamente nos locais mais nobres da cidade (Pv 7:11-12). Ela não tem nenhum outro objetivo para estar ali do que buscar por homens. Os homens bons evitam a sua casa, e andam retamente por seus caminhos, mas ela os encontra onde eles menos a esperam (Pv 9:15). Ao invés de usar as favelas da cidade como uma prostituta barata, ela dá ênfase ao seu poder de atração e encontra vítimas mais nobres nos locais de comércio e de governo.

De que forma esta adúltera traiçoeira representa a tolice? Pecado e prazeres mundanos oferecem um meio de fuga do dever e do trabalho. Eles são evitados pela fidelidade a uma chamada e a rejeição das provisões para a carne (Rm 13:13). Se Davi estivesse guerreando com os seus homens, ele nem teria avistado a Bate-Seba (IISm 11:1) O pecado e os prazeres do mundo serão encontrados em todas as partes deste mundo pecaminoso e, por isto, a armadura completa de Deus deve ser usada todos os dias, e o coração ser guardado com toda a diligência, para ficar de pé (Pv 4:23; Ef 6:10-18).

A falsa religião, muito bem ilustrada pela Grande Meretriz de Roma e de suas filhas Protestantes (Ap 17:1-6), Rejeita a questão de santidade e verdade, mas se assenta à sua porta chamando os homens para entrarem à sua cama para adulterar espiritualmente (Tg 4:4; Ap 2:20-23). Ela se assenta nas comunidades religiosas, apesar das suas doutrinas e objetivos serem do inferno (IITs 2:9-12; ITm 4:1-3). Ali os inocentes são cativados pela sua bela aparência e caloroso abraço, não vendo que os mortos estão ali e que os seus convidados estão no fundo do inferno (Pv 9:18; 21:16).

O Senhor Jesus Cristo, Ele é o Rei da glória e o santo Noivo da igreja, chama a todo seu povo que está em Roma e as suas filhas (Ap 18:4), O Senhor é ciumento, e tem razão de ser! Ele odeia o adultério espiritual. Saia hoje, leitor, pois poderá ser que não haja um amanhã. Abandone a tolice e viva; e vá pelo caminho do entendimento (Pv 9:6).