Provérbios 7:21

Seduziu-o com a multidão das suas palavras, com as lisonjas dos seus lábios o persuadiu.

Play Audio

As mulheres podem dominar um homem ... flertando com palavras (Pv 6:24-25; 6:26; Ec 7:26). Os homens adoram o elogio de uma mulher. O aviso aqui é a respeito do modo de falar e o louvor insincero de uma mulher estranha. As extensas parábolas de Salomão a respeito de uma meretriz seduzindo um insensato jovem inclui o papel que as suas palavras têm no jogo de sedução para dominá-lo. Elas são tão poderosas, que ela "o seduziu" e "o persuadiu" a pecar sexualmente. Mulheres perversas amam este poder para praticar o mal; mulheres virtuosas o usam com os seus maridos; prazer e louvor.

Fica evidente em nosso mundo perverso, que não importa como a mulher se veste ou age, o homem é sempre culpado por impropriedades sexuais. Para mentes fracas e tribunais de justiça, o assédio sexual ocorre em uma única direção. Mas o SENHOR e Salomão fizeram um alerta a respeito das mulheres seduzindo e forçando os homens, e eles estavam certos. Mulheres prostituidoras criam mais tentações sexuais do que lascivos (Pv 23:27-28). As mulheres são protegidas naturalmente por fortes inibições, famílias, leis e decoro social. O que protege o homem de uma sedutora audaciosa? Provérbios!

Bajulação é o louvor excessivo usado para seduzir alguém contra a sua vontade. É retratar uma questão de uma maneira excessivamente favorável de forma a torná-la mais agradável e para seduzir o ouvinte. Os homens adoram o louvor de uma mulher, pois conquistar a adoração, a devoção e o favor de uma mulher é uma motivação instintiva colocada por Deus nos seus corações e órgãos genitais. Mulheres perversas manipulam este desejo nos homens para vitimá-los com os seus planos de sedução para vários fins.

Seja qual for a inibição que o homem tem em decorrência de religião, educação familiar, ou caráter nobre, ele as perderá sob um bombardeio sedutor de palavras lisonjeiras de uma mulher desejável. A adoração de uma mulher é um elixir que só poucos homens excepcionais podem resistir, e isso só acontece pela graça de Deus. José pode ter resistido à mulher de Potifar, mas ele foi uma exceção da regra geral das escrituras e da experiência humana.

Salomão frequentemente advertiu o seu filho a respeito das palavras suaves e aveludadas de uma sedutora prostituta (Pv 2:16; 5:3; 6:24; 7:5; 2:14). Homens sábios prestarão séria atenção e evitarão tais mulheres, antes que as palavras mentirosas delas roubem suas almas e virtudes. Veja os comentários de Provérbios 2:16 e de Provérbios 5:3. Mas ele aqui acaba de descrever em detalhe a abordagem verbal de uma prostituta que busca a sua vida (Pv 7:13-20). O resumo feito por ele em nosso provérbio de hoje mostra claramente a questão. Ela seduziu o homem jovem!

Salomão descreveu a prostituta prefaciando as suas palavras com um abraço, um beijo, e uma face atrevida e desinibida (Pv 7:13). Em seguida ele apresentou uma longa descrição do claro discurso dela:

1. Eu realmente sou uma boa menina: eu não sou nenhuma prostituta; dormir comigo não será pecado (Pv 7:14).

2. Eu já tomei várias providências e tenho muitas coisas para um bom tempo (Pv 7:14).

3. Meus motivos são muito nobres em querer compartilhar um bom tempo com você (Pv 7:15).

4. Tenho esperado há muito tempo e sonhado frequentemente em encontrar um homem como você (Pv 7:15).

5. Eu estou tão feliz por encontrar você, porque eu não quero estar com nenhuma outra pessoa (Pv 7:15).

6. É tão bom estar sozinha com você e sentir a paixão que existe entre nós (Pv 7:15).

7. Eu queria te encontrar há tanto tempo; já me preparei (Pv 7:16).

8. Eu já preparei tudo para o máximo ato de amor perfeito entre nós (Pv 7:16)

9. Eu sei de coisas especiais que você vai amar as quais as outras mulheres enfadonhas não dão valor (Pv 7:17).

10. Eu me preocupo por você mais do que as outras mulheres e por isso eu vou com você até o fim (Pv 7:17).

11. Verdadeiramente sentimos um amor entre nós que nenhuma outra pessoa provou antes (Pv 7:18).

12. Vamos experimentar as profundezas deste amor singular e especial que sentimos (Pv 7:18).

13. Nenhuma mulher sentiu tanto por um homem o que eu sinto por você (Pv 7:18).

14. O nosso ato sexual de amor excederá todos os atos de amor na história do mundo (Pv 7:18).

15. O conforto e o prazer que encontramos um no outro será maravilhoso (Pv 7:18).

16. O nosso amor e prazer durará a noite toda ... e durante toda as nossas vidas ... para sempre (Pv 7:18).

17. Não se preocupe com qualquer risco, pois o meu "velho" está numa longa viagem de negócios (Pv 7:19).

18. Ele ama os seus negócios mais do que a mim: Eu preciso tanto do seu amor e do seu corpo (Pv 7:19).

19. Não há risco nenhum de sermos descobertos; já planejei tudo para nós (Pv 7:19).

20. Ele levou dinheiro, que tanto ama; nós temos um amor que o dinheiro não pode comprar (Pv 7:20).

Jovem, quão forte era Sansão? Ele era mais forte do que qualquer homem? Certamente! Mas prostitutas arruinaram muitos homens fortes (Pv 7:26)! Dalila usou palavras para destruí-lo, mesmo ele sabendo que ela desejava destruí-lo! Porque ele não podia resistir a ela? Por que palavras lisonjeiras de uma linda mulher são demais para a maioria dos homens! Leia a respeito da impotência dele diante do lisonjeio manipulador dela (Jz 16:4-21).

Jovem, quão sábio era Salomão? Ele era mais sábio do que qualquer homem antes e depois dele? Certamente que sim! Mas as prostitutas o levaram a pecar, contrariando as advertências dos seus próprios provérbios (Pv 7:26)! E mulheres estranhas fizeram com que ele pecasse, mesmo contra os conselhos dos seus próprios provérbios (Ne 13:26)! Ao evitar o lisonjeio perigoso das mulheres, você tem que se guardar contra as palavras sedutoras em bilhetinhos, cartões, e-mails, mensagens de texto, salas de ''chat'', mensagens telefônicas, cartas, códigos e outras formas de correspondência. Podemos nos comunicar mais facilmente com os outros hoje em dia do que anteriormente, e a sabedoria exige cuidados em todos estes novos perigos do século 21.

Mulheres cristãs, limitem suas conversas com outros homens que não sejam seus pais ou os seus maridos. Sejam sóbrias! Odeiem o flerte ou o lisonjeio. O louvor é uma coisa maravilhosa, é poderoso demais para vocês darem a outros homens exceto em raras ocasiões e com grande discrição. Mas vocês precisam aprender palavras bondosas e louvor feminino para os seus pais e maridos, pois isto pode edificar a alma e o caráter deles tornando-os criaturas fortes e nobres, que é o que Deus pretendeu que eles fossem desde o início.

A natureza sutil e condenatória do lisonjeio é visto também nas falsas religiões, onde as palavras boas e claras são usadas para enganar os corações dos simples e vender a falsa doutrina (Rm 16:17-18; IICo 2:17; IICo 11:3,13-15; Cl 2:4; IIPe 2:2-3,18). Como se proteger? Busque as igrejas modestas e simples de Jesus Cristo com uma pregação direta da Palavra de Deus. Busque por ministros que propiciam todas as coisas direta e honestamente (IICo 4:2).