Provérbios 7:13

Aproximou-se dele, e o beijou, e de cara impudente lhe diz:

Play Audio

Temos aqui a mulher estranha em ação. A extensa descrição de Salomão da mulher adúltera seduzindo um jovem continua. Temos aqui três aspectos do seu caráter e conduta. Ela era fisicamente agressiva; usava seus beijos para seduzir; e ela é atrevida e desavergonhadamente ousada. Ela o agarrou; ela o beijou; e ela falou a ele com impudência.

Mulheres virtuosas são fisicamente agressivas, grandes beijoqueiras, e desinibidas - com os seus maridos no casamento! Em relação a outros homens, e antes do casamento, elas são reservadas, modestas e envergonhadas. Mas a mulher estranha - a adúltera - persegue os homens fora do casamento, beija os homens fora do casamento e imodesta e desavergonhadamente atrevida fora do casamento.

A mulher piedosa não é fisicamente agressiva antes do casamento - ela é casta, pura e se preserva totalmente para o seu marido (IICo 11:2). Ela está preparada para ser agressiva; ela quer ser agressiva; mas ela entende o poder da tentação sexual, e nada fará para despertar nenhum homem, nem mesmo o seu noivo. O pai dela também a compreende, e evita que ela fique sozinha com um homem de forma a impedir a ocasião de pecar, especialmente com o noivo dela.

Entretanto, a mulher piedosa quando se casa, ela é uma amante agressiva, seguindo o santo exemplo da Sulamita em Cantares (Ct 1:2-4; 1:12-14; 2:3-7; 3:1-5; 5:2-16; 8:1-4). O que fez a diferença? Deus coloca o Seu selo de aprovação no ato passional de amor no casamento, onde os dois cônjuges devem ser totalmente saciados (Pv 5:19; ICo 7:1-5; Hb 13:4)!

Mas as prostitutas são agressivas antes e fora do casamento! Na parábola de Salomão, ela o pegou, ou melhor, o agarrou. Ela foi a agressora, que hoje está sendo exaltada diariamente para as jovens pela indústria do entretenimento. Somente poucos homens são suficientemente fortes para resistir a tal agressão. José foi uma exceção e uma exceção gloriosa (Gn 39:7-12). O que o homem pode fazer? Seguir o conselho de Salomão e se afastar para bem longe dela (Pv 5:8; 7:8)!

Existem vários tipos de beijos. A mulher piedosa conhece as diferenças, e ela reserva aqueles íntimos para o casamento. Sob circunstâncias culturais, espirituais ou outra qualquer, ela pode beijar uma variedade de homens e mulheres com um beijo de saudação. Tanto Raquel, quanto o seu pai Labão, beijaram Jacó desta forma (Gn 29:11,13), o qual é mencionado por Paulo como sendo um beijo santo, pela sua total falta de intenção sexual ou mesmo indício (Rm 16:16; IICo 13:12).

Os verdadeiros beijos são reservados para o casamento - eles fazem parte do ato amoroso. Podem ser mais íntimos e pessoais do que os outros atos sexuais, pois envolvem a proximidade do rosto, dos olhos e das bocas. A Sulamita vangloriava dos beijos de amor com o seu marido (Ct 1:2; 5:16; 7:9). Mas ela sabia muito bem para jamais fazer tal convite íntimo e pessoal para qualquer outro homem, e ela nunca o fez nem mesmo para Salomão antes da sua noite de núpcias.

As adúlteras usam o beijo antes e fora do casamento para despertar os homens e convidá-los ao ato sexual, quando não tem nenhum direito de fazê-lo. Prostitutas, com tais práticas, podem despertar a maior força sexual com seus beijos. Jovens virtuosas, ignorantes e inexperientes, enviam impressões muito erradas ao permitirem um beijo íntimo antes do casamento. A estranha mulher mencionada por Salomão, uma prostituta com planos maliciosos, foi quem começou a beijar para seduzir a sua vitima.

Qual a razão do beijo íntimo antes do casamento? Qual é o objetivo? Isto ajuda a qualificar a outra pessoa? Ajuda a manter seu relacionamento puro até que o mesmo seja santificado pelo casamento? Ou provoca forte tentação na mente e no corpo que busca o ato sexual? Porque criar uma horrível situação desagradável? Porque aumentar a tensão sexual e a frustração antes do casamento? Você pode aprender mais a respeito da outra pessoa estando com acompanhantes maduros!

E ainda, lembranças de outros beijos - desfrutados sem as dificuldades de uma vida casada - que podem assombrar a sua alma no futuro. Porque não limitar a sua experiência e prazer de beijar para aquele com quem você vai se casar - mas só depois do casamento? Isto parece bizarro e estranho para você? A santidade é estranha neste século 21! E lembre-se homem jovem, a jovem que agressivamente lhe beija, mais facilmente beijará outros mais tarde, mesmo que você venha a se casar com ela!

Os pais são responsáveis de manterem suas filhas longe de situações onde o beijo e outros estágios preliminares sejam possíveis. Não há razão para um casal que está namorando ficarem sozinhos. Qual é a razão ou o valor? Não há nada a ser aprendido estando sozinhos que não possa ser aprendido em uma fração de tempo com a ajuda de acompanhantes. As jovens devem ser ensinadas a glória e a alegria do casamento e do ato sexual que é uma parte integrante do mesmo, mas elas não devem encarar aqueles momentos difíceis sozinhas com um homem, quando as paixões esquentam, mesmo sendo seus noivos.

Uma jovem ou uma mulher virtuosa é acanhada, casta, modesta e reservada ao falar com qualquer homem, ou mesmo com seu noivo, antes do casamento. Conversa sexual atrevida é outra maneira do homem ser despertado, como pode ser comprovado pelas salas de "chat". Jovens que tem a intenção de agradar o seu Pai celestial e mostrar uma bondosa atenção para com os homens, especialmente com seus noivos, reservarão todo o tipo de conversação sexual para um único homem e, mesmo assim, só depois do casamento.

As adúlteras não tem modéstia ou reserva alguma, e por perda anterior das inibições dadas por Deus, elas são muito atrevidas nos convites sexualmente verbais. Elas não ficam ruborizadas (Jr 3:3). A mulher de quem Salomão fala atrevidamente descreve o prazer sexual que ela estava preparada e disposta a dar ao tolo jovem (Pv 7:14-21). Nada tendo de inferior aos seus traços atraentes, o linguajar promissor de uma mulher estranha é esmagador (Pv 2:16; 5:3; 6:24; 7:5; 22:14). Pergunte só a Sansão!

O que o homem sábio deve fazer? A mesma resposta de antes! Se afaste dela! Para longe dela! Se você está longe dela, como é que ela vai poder lhe agarrar, beijar ou falar com você? Se você não se aproximar dela, dos locais frequentados por ela, ou onde ela exerce suas atividades, você nunca terá que enfrentar essas poderosas tentações que destroem muitos homens fortes (Pv 7:26; 23:28). Fique longe das academias mistas, clubes noturnos, troca de mensagens eletrônicas pessoais, festas do trabalho, salas de "chat" na internet, danças, praias ou relacionamentos íntimos ou conversações frequentes com qualquer mulher que não seja a sua. Senhor, nos ajude!