Provérbios 4:5

Adquire a sabedoria, adquire a inteligência e não te esqueças nem te apartes das palavras da minha boca.

Play Audio

O que é que você tem feito ou fará hoje para obter sabedoria e entendimento? Salomão exortou o seu filho a obter sabedoria, lembrar da sabedoria e seguir a sabedoria. O abençoado Deus ofereceu sabedoria e entendimento a homens simples. Você tirou vantagem deste gracioso privilégio? Se você tem, pelo menos, um pequeno desejo de aprender este provérbio, você é abençoado.

Este provérbio contém três instruções. Para obter o máximo sucesso diante de Deus e dos homens, você tem que obter sabedoria e entendimento; você não pode se esquecer da sabedoria uma vez que você a adquire; e você não deve deixar de guardá-la. Considerando que estes deveres poderiam fazer com que o filho de Salomão se tornasse um grande rei, eles podem torná-lo grande à vista do Senhor.

A primeira instrução é a de obter sabedoria e entendimento. O único documento de origem na terra é a Palavra de Deus, pois qualquer outra opinião não tem luz alguma (Is 8:20). As inspiradas Escrituras são perfeitas para ensinar sabedoria (IITm 3:14-17). É para esta palavra mais certa que devemos dar atenção (IIPe 1:19-21). Ela deverá ser a sua alegria diária (Jó 23:12; Sl 19:10).

Quando Felipe perguntou ao eunuco se ele entendia o que estava lendo, o eunuco disse, "Como poderei entender, se alguém me não ensinar?" (At 8:30-31). Felipe pregou Jesus para ele; ele foi rapidamente batizado; e seguiu o seu caminho, regozijando. Deus deu pastores e professores para nos guiar no entendimento de Sua palavra (Ne 8:8; Ml 2:7; IITm 2:2).

Mas sem a benção do espírito de Deus, nem lendo, nem ouvindo a pregação funcionará direito. Paulo orou pelos santos em Éfeso para que fossem iluminados pelo Espírito de sabedoria e de revelação para conhecer as coisas de Deus (Ef 1:17-18). E o Senhor prometeu dar liberalmente a sabedoria e o Seu Espírito para aqueles que os pedissem (Tg 1:5; Lc 11:13).

Havendo usado as Escrituras, os ministros e a oração para obter sabedoria e entendimento, o nosso dever é de lembrar aquilo que aprendemos. Paulo temia pelos corintos, pois eles tinham esquecido alguns dos seus ensinamentos relacionados com a ressurreição (ICo 15:1-2). É o seu dever meditar nas coisas que lhe foram ensinadas e não deixá-las se perderem (Pv 6:20-22; Hb 2:1-4).

Retendo firmemente a sabedoria em sua memória, você deve se agarrar a ela com força em praticá-la. Você deve permanecer firme, sem titubear, na fé apostólica para não ser afastado do verdadeiro evangelho (IITs 2:15; Hb 10:23). Onde estaria a Igreja Católica Romana, se a igreja de Roma tivesse seguido este modelo? O nosso irmão Paulo ensinou que o objetivo da igreja local é a de ajudar uns aos outros a guardarem a fé (Hb 3:12-13; Hb 10:24-25).