Provérbios 1:26

Também eu me rirei na vossa desventura, e, em vindo o vosso terror, eu zombarei.

Play Audio

A sabedoria ri. Há-há! A sabedoria zomba. Você não é tão durão agora, tolo! A sabedoria ri e escarnece dos homens que sofrem calamidades e são aterrorizados pelo medo. Não há qualquer crueldade nisto, apenas o som da justiça divina ridicularizando os tolos e os escarnecedores que rejeitaram a instrução.

Aquele que ri por último ri melhor. A Senhora Sabedoria e o SENHOR riam por último e melhor! Mas isto não é um motivo para nós rirmos; pois estas palavras são as mais sóbrias encontradas nas Escrituras. Os homens que recusam ouvir a instrução serão destruídos sem misericórdia (Pv 1:20-32).

Tolos e zombadores riam daqueles que procuram lhes ensinar, corrigir e advertir. Eles os odeiam porque estão tentando estragar as suas festas (Pv 9:7-8). Quando uma terrível calamidade cai sobre a cabeça deles e o medo doloroso chega aos seus corações, nada mais justo do que a Senhora Sabedoria, que se ofereceu para salvá-los, se encha de riso e ridicularize os seus inimigos na medida em que são destruídos.

Esta visão de sabedoria e da sabedoria de Deus não é popular em nossa época efeminada e comprometedora (IITm 3:4-5; Hb 12:28-29). Risos e zombarias à custa das dores terríveis e do medo mórbido de tolos e zombadores é o certo. Leitor, você conhece este Deus? Ou lhe ensinaram fábulas a respeito de um pretenso papai distribuidor de doces lá no céu?

Faraó disse: "Quem é o Senhor?", e rejeitou a Moisés (Êx 5:2). Depois de terríveis pragas como sapos, piolhos, moscas e enterros de todos os primogênitos do Egito, os seus contabilistas lhe disseram que Israel tinha ido embora com as riquezas da nação. Conduzindo furiosamente através do leito seco do mar, as rodas das carruagens de guerra se soltaram dos melhores carros que o Egito podia produzir, e Faraó teve poucos minutos para dar conta de que a sua carruagem estava se movendo lentamente sobre o seu eixo e que as águas dos dois lados pareciam muito instáveis! O céu retumbou com a gargalhada de Deus (Rm 9:17), e a praia retumbou com o canto e a dança zombeteira de Israel (Êx 15:1-21).

Espaço e tempo não nos permite dar detalhes do dilúvio quando aqueles que riram e caçoaram de Noé estavam afundando sob as águas com fragmentos de madeira sob suas unhas e as bocas e passagens nasais cheias de água. Foi uma calamidade! Foi aterrorizante! Mas não pensem que Deus e a sabedoria estavam torcendo as mãos em lamentos. Esses afogados miseráveis eram intoleráveis odientos de Deus e desobedientes à clara pregação de Noé durante muitos anos (Hb 11:7; IPe 3:18-20). Leitor, de que forma você conhece este Deus?

Deus ri do julgamento do ímpio (Sl 37:13). Ele trata o ímpio com zombaria (Sl 59:8), e Ele riu, de maneira zombeteira, quando destruiu os inimigos do Seu Filho (Sl 2:4). A situação dos corações dos homens naquela terrível calamidade estava tão ruim que eles desfaleciam de medo (Lc 21:26).

Ele enviou Elias para zombar dos profetas de Baal (IRs 18:26-27). E a Isaías a ridicularizar os idiotas que esculpiam imagens (Is 44:9-20). Sob a direção do seu Pai Celestial, o justo ri e se regozija com a desolação do ímpio (Sl 52:5-7; Sl 58:4b-5). Descobrimos os mártires santificados no céu regozijando com a vingança de Deus (Ap 6:9-11; Ap 18:20; Ap 19:1-4).

Quando a Senhora Sabedoria, personificando a sabedoria de Deus, lhe oferece instrução e sabedoria, é melhor se apropriar delas. Um julgamento irremediável virá se você não agir assim (Pv 29:1). Você pode achar que pode escapar impunemente pelo sua desatenção, mas Deus está a ponto de despedaçá-lo (Sl 50:21-22). Humilhe-se diante da Sua Palavra e trema de forma que você não descuide de nenhuma delas (O que devemos fazer? O nosso Senhor Jesus disse com perfeição)!

Faça o seguinte. Cornélio reuniu seus familiares e amigos para encontrar com Pedro na Cesaréia. Ele disse peremptoriamente, "Portanto, sem demora, mandei chamar-te, e fizeste bem em vir. Agora, pois, estamos todos aqui, na presença de Deus, prontos para ouvir tudo o que te foi ordenado da parte do Senhor." (At 10:33).

Quando o nosso amado irmão Paulo se encontrou com o Senhor Jesus Cristo, ele tinha a única reação apropriada à divina soberania desse glorioso Rei. Ele disse, e todo leitor sóbrio deve dizer com ele, "Senhor, que queres que faça?" (At 9:6). Amém.