Provérbios 1:15

Filho meu, não andes no caminho com eles; guarda da sua vereda o teu pé.

Play Audio

Uma vida sábia exige o evitar os tolos. Uma vida reta exige o evitar os pecadores. O trapacear aqui lhe custará caro: as más companhias corrompem as boas maneiras (ICo 15:33). Estas regras são especialmente verdadeiras para os jovens e por esta razão Salomão ensinou o seu filho a evitar as más influências e os estilos de vida pecaminosa de tolos e rebeldes. A pressão da sociedade é uma força poderosa. Um pai sábio protegerá os seus filhos dela, e ele ensinará os seus filhos contra ela.

Considere o contexto. Salomão primeiramente introduziu o propósito de Provérbios: instruir em sabedoria (Pv 1:1-6). Em seguida, ele afirma que o axioma essencial é o temor a Deus e a obediência aos pais para atingir esse objetivo (Pv 1:7-9). Em seguida, ele dá uma extensa descrição das tentações e perigos dos tolos maus (Pv 1:10-19). E ele encerra com uma personificação da sabedoria como sendo uma mulher apelando a um jovem para que ouvisse os seus conselhos e advertências, ou que aguentasse as consequências (Pv 1:20-33).

A secção começa com, "Filho meu, se os pecadores te quiserem seduzir, não consintas." (Pv 1:10). Não é "se" pecadores seduzirão um jovem, mas "quando". Eles o aliciarão. Oferecerão grandes vantagens se ele se unir a eles (Pv 1:11-14). Mas as consequências serão fatais ao seu desejo e à necessidade de ser sábio e bem sucedido (Pv 1:15-19). Filho meu, não consintas com isto!

Tolos sempre buscam a outros para unirem-se às suas tolices e maldades (Pv 1:10-19; Pv 2:10-15). Prostitutas atraem homens para desfrutarem dos prazeres do sexo ilícito (Pv 2:16-19; Pv 5:3-21; Pv 7:6-21; Pv 9:13-18). Um jovem sábio rejeitará a ambos. Ele manterá amizades apenas com os homens bons e retos (Pv 2:20-21), sabendo que o juízo virá certamente sobre os maus (Pv 2:22).

O desejo de Deus é que os cristãos sejam um povo separado. A razão é simples - o mundo odeia a Deus, a verdade, o conhecimento e a retidão bíblica. Assuma uma forte posição bíblica a respeito de qualquer assunto, e logo você saberá disso por experiência! O abençoado Deus deseja que o Seu povo ame somente a Ele e viva somente para Ele. O mundo fará tudo que for possível para afastá-lo do seu objetivo. Amizade com o mundo é inimizade com Deus (Tg 4:4; I Jo 2:15-17).

Há sério perigo de você ser enganado. Você pode achar que é possível sobreviver a algumas amizades com o mundo, ou você não examinará a sua própria vida para saber o que está permitindo ao mundo lhe atrair. Paulo escreveu enfaticamente, "Não vos enganeis. As más companhias corrompem os bons costumes (ICo 15:33). Você se corromperá; ou mais provável, ainda, você já está corrompido.

Amigos com uma filosofia ou estilo de vida mundana o destruirão. Eles lhe influenciarão a rejeitar o santo Deus, a crer que: você é produto da evolução; formalidades religiosas são suficientes; o amor faz com que tudo seja aceitável; você deve seguir o seu coração; que você deve aceitar aqueles que vivem de um modo diferente de você; que ninguém é dono da verdade; que a confiança numa determinada posição é arrogância e discordante, ou que Deus não se importa com os seus pecados.

O provérbio nos adverte de dois perigos - andando em amizade com pecadores ou escolhendo o estilo de vida deles. Para que aprenda sabedoria e siga a justiça, você deve evitar qualquer relacionamento com pessoas que fazem concessões, com tolos ou com pecadores. Esta é a exigência básica. Mas você também deve rejeitar o estilo de vida deles, pois aceitar as suas atividades, atitudes, filosofias e objetivos é tão depravador quanto é condenatório. Afaste-se deles e dos seus caminhos!

Onde o mundo está seduzindo você ou os seus filhos? Aqui temos as dez maiores ferramentas ou instituições que corrompem o seu amor de Deus e a Sua justiça: televisão e filmes, escolas públicas, igrejas contemporâneas, colegas de trabalho, opinião pública, vizinhos amistosos, os "best sellers" materiais de leitura, os estilos de vida dos ricos e famosos, a propaganda varejista e as tendências da moda.

Onde o mundo está seduzindo você ou os seus filhos? Aqui estão os dez maiores argumentos usados para lhe convencer que as amizades do mundo são aceitáveis; eles realmente não lhe farão mal; elas são pessoas tão boas; você deve ser equilibrada; nós podemos concordar ou discordar sobre algumas coisas; eu preciso delas para obter sucesso profissional; é a única maneira que eu posso ganhá-los para a verdade; eles são melhores do que muitos outros; e Deus nos ama igualmente assim como somos. Estas são dez mentiras para destruí-lo.

Se sabedoria e sucesso são importantes para você, então você deve evitar as pessoas tolas, pois elas lhe destruirão (Pv 13:20; Pv 14:7; Pv 28:7). Isto não é uma opção; isto é um mandamento. Qual a distância a ser mantida para escapar delas? "Não entres na vereda dos ímpios, nem andes pelo caminho dos maus. Evita-o, não passes por ele; desvia-te dele e passa de largo" (Pv 4:14-15).

Se sabedoria e sucesso são caros para você, então você deve se associar com pessoas sábias e bem sucedidas. Quem são estas pessoas? Elas são pessoas boas segundo a definição de Deus, que temem a Ele e vivem vidas sábias e santas (Pv 13:20; Sl 119:63; Tt 1:8). Tais amigos podem lhe dar aconselhamento e correção sábia quando você precisa delas (Pv 15:22; Pv 27:5-6,9-10,17). Eles lhe ajudarão na direção da sabedoria e da retidão, não o afastando como fazem os amigos mundanos.

Este provérbio também se aplica a associações religiosas. Você deve registrar e evitar qualquer pessoa que discorda com o evangelho de Paulo (Rm 16:17-18). E você pode, justificadamente, amaldiçoar qualquer um que pregue um evangelho diferente (Gl 1:6-9). Você deve se afastar daqueles que violam a tradição apostólica (IITs 3:6; ITm 6:3-5). Você deve se desviar dos cristãos contemporâneos (IITm 3:1-5). O grande comprometimento religioso é este (IITm 4:3-4). O dever de todo aquele que crê é a de lutar ardentemente pela fé apostólica (Jd 1:3).

Amigos são ótimos, se eles são bons amigos; mas bons amigos só são medidos pelo temor que têm de Deus e pelo modo reto de vida deles. Onde é que você pode encontrar esses amigos? Numa verdadeira igreja do Senhor Jesus Cristo, onde o mundo e todos os seus comprometimentos e invenções são rejeitadas. Ali a verdade e a sabedoria pura do evangelho apostólico e as sagradas escrituras são exaltadas, defendidas, e ensinadas com ousadia e clareza. Como é que você se posiciona a respeito desta regra?