Provérbios 1:10

Filho meu, se os pecadores querem seduzir-te, não o consintas.

Play Audio

Justiça é caráter que resiste a atração do pecado. Não importa o quão desejável possa ser uma má pessoa ou alguma coisa, ele resiste. Ele manterá seus princípios seja qual forem.

Pecadores não estão satisfeitos em pecar e ir sozinhos para o inferno. Eles querem incluir outros em suas maldades. Trazendo o inocente às suas atividades pecaminosas e suas amizades ajudam justificar suas más mentes, e o diabo os usa para corromper os santos de Deus.

O contexto descreve um grupo de assassinos cruéis atraindo um jovem inocente para a sua gangue (Pv 1:11-14). Eles lhe oferecem amizade, união, sucesso e riquezas. O Pregador avisou a seu filho para que ficasse longe deles, pois eles eram maus e estavam encaminhados à destruição (Pv 1:15-19).

Homens fortes não concordarão com pecadores seja qual for a razão! Eles estão empenhados naquilo que é certo e a tolice dos tolos os irrita. Eles odeiam os ímpios (Sl 101:3; Sl 139:21-22).

Como os pecadores engodam - seduzem, atraem ou fascinam - os santos? Há diversas formas e elas nos dão lições maravilhosas para estimular o crescimento em sabedoria e entendimento.

Em primeiro lugar há a família. E ai daqueles que exaltam a família acima das escrituras, pois eles comprometerão a justiça para salvá-la. Que traição barata! Pela família? Uma mesa de jantar com pecadores e santos confusos? Por isso Jesus ensinou os Seus discípulos a odiarem a família em comparação com Ele (Lc 14:26). Sua doutrina divide famílias para provar o nosso amor por Ele (Mt 10:34-37). Se não formos capazes de abandonar a família por causa de Jesus Cristo e a verdade, nós não somos dignos Dele. Por Eli escolher os seus filhos, Deus o destruiu para sempre (ISm 3:13).

Em segundo lugar existe o medo do homem. Se nós nos preocuparmos com o que os outros pensam ou fazem, nós prendemos as nossas próprias almas numa armadilha (Pv 29:25). Nós comprometermos as escrituras para mantê-los felizes. Chamamos isso de pressão dos pares, quando isto envolve crianças; mas pouco ou nada dizemos quando isto envolve adultos. Que medo tenebroso! Porque não dizer, "Não temerei; que me poderá fazer o homem" (Hebreus 13:6)?

Pedro, nobre e corajoso em suas intenções, se comprometeu horrivelmente diante de meras empregadas! E Pilatos, avisado pela sua mulher e pessoalmente convencido, não podia soltar Jesus diante dos judeus!

Em terceiro lugar, existe aí uma associação. Alguns estão tão desesperados pela sociedade, que farão qualquer coisa para manterem suas posições. Ficar sozinho assusta esses fracotes. Eles precisam de aceitação e de apoio para sobreviver. Os cristãos que viviam entre os judeus não confessavam a Jesus por medo de perderem sua posição no quadro de membros na sinagoga (Jo 12:42). Deus condena essa associação comprometedora com pecadores (Is 8:9; IICr 19:1-2). Ele está buscando por homens que resistirão a uma multidão como Josué e Calebe!

Em quarto lugar, sucesso insinuado ou oferecido é atraente. Disseram ao jovem que ele poderia encher a sua casa de tesouros se ele se unisse à gangue (Pv 1:13). Quantos homens sacrificaram suas convicções para progredirem em suas profissões? Que troca revoltante! Só levou trinta moedas de prata para comprar a alma de Judas levando-o a vender o Senhor Jesus. Só levou um pouco de prata e duas mudas de roupas para comprar a alma de Geazi. Quão barato!

As atrações do mundo podem ser reduzidas a três tipos de pecado - a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida (I Jo 2:15-17). Satanás usou estas três formas de atração com Eva e funcionou (Gn 3:6); ele as usou para tentar o nosso Senhor, mas Ele resistiu a todos. Você é capaz de identificar estas ofertas feitas por pecadores e detectar suas fraquezas por elas?

As igrejas hoje em dia oferecem atrações como aperitivos a crentes carnais e aos não regenerados. Eles se gabam do seu crescimento e dos muitos programas para satisfazerem as concupiscências de todas as idades e sexo. Desenvolvem grandes esforços para atraírem você a se juntarem a eles. Não consinta!

Caro leitor, você está firmado na rocha que é a Palavra de Deus? Você permanecerá nesta posição independente de quem possa atraí-lo ou do que lhe poderá ser oferecido? Você conhece a sua própria alma e as fraquezas dela? Examine-se e remova para longe quaisquer tentações!

O nosso Senhor Jesus foi três vezes tentado pelo diabo (Lc 4:1-13). Ele se comprometeu? Sem chance! e qual foi a Sua resposta a cada uma delas? Está escrito! Você ama o Segundo Adão pela sua superioridade infinita ao primeiro Adão? Nós te louvamos, ó Deus!

Sabedoria exige que você ponha fim a relacionamentos desnecessários e/ou tentadoras (Pv 1:15). Veja os comentários de Provérbios 13:20. A convicção de Davi de viver uma vida de justiça incluía se separar de qualquer um dentre os seus conhecidos, mesmo se isso envolvesse membros da sua família. Você está pronto e disposto a ficar sozinho contra todas as atrações dos maus?